Fale Conosco Notícias Sala dos professores Página inicial Experimentos
NOTÍCIAS

06/02/2011

Maioria dos jovens fora da escola e do mercado de trabalho é formada por mulheres

Maioria dos jovens fora da escola e do mercado de trabalho é formada por mulheres * Licença Creative Commons.

Cerca de 3,4 milhões de jovens brasileiros compõem um grupo de pessoas que nem estudam e nem trabalham. Esse número representa 15% da população na faixa etária de 18 a 24 anos. Um estudo do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep) mostra que as mulheres são as mais afetadas por esse problema, muitas vezes em função da maternidade e do casamento.


Do total de jovens fora da escola e do mercado de trabalho, 1,2 milhão concluiu o ensino médio, mas não seguiu para o ensino superior e não está empregado. A proporção de jovens nessa situação aumentou de 2001 a 2008, segundo o Inep, e quase 75% são mulheres. Uma em cada quatro jovens nessa situação tinha filhos e quase metade delas (43,5%) era casada em 2008.


Mulheres de 18 a 24 anos que estão na escola e/ou no mercado de trabalho, têm cinco vezes menos filhos. Segundo o estudo, os dados comprovam que "existe forte correlação entre casamento, maternidade e a saída, mesmo que temporária, da escola e do mercado de trabalho, observada para as mulheres".

 
Uma das estratégias básicas para garantir que a jovem consiga prosseguir com os seus estudos ou ingressar no mercado é a ampliação da oferta de vagas em creches. Atualmente, menos de 20% das crianças até 3 anos têm acesso a esse serviço no país. Segundo especialistas, essa é uma das barreiras apontadas pelas mulheres para prosseguir com os estudos ou voltar ao mercado de trabalho.

 

(Agência Brasil)


Compartilhe: Facebook  Twitter  Orkut  Buzz  Delicious 


Desenvolvido por Agência i4 Termos de Serviço  |  Políticas de Conteúdo  |  Mapa do site
© 2010 • RMS Comunicações Ltda. • Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, integral ou parcial, do conteúdo deste website sem prévia autorização.